Aparelhos luminosos no quarto põem em risco o sono e a saúde

Ao desligar as luzes de meu quarto à noite, uma pequena fonte luminosa continua derramando lúmens. É a nave da série Guerra nas Estrelas que tenho em minha estante. Não, não sou nenhum aficionado por ficção científica, mas há alguns gadgets que gosto de ter.

Mas essa não é única luz a quebrar o véu de escuridão que toma conta de meu quarto à noite. As luzes do PC, seis no total, espalham, mesmo que tímidas, luzes amarelas, verdes e vermelhas. O LED do estabilizador também não me deixa esquecer que está tudo bem. Toda a parafernália está ligada a um no-break. Desnecessário dizer que este exibe orgulhosamente um botão vermelho luminoso do tamanho de uma moeda das grandes.

Vez por outra, minha esposa traz para casa o seu laptop profissional, um MacBook. No canto do quarto, em cima de uma estante, ele fica carregando as baterias junto de seu colega, o Dell que ela usa em casa. Cada um desses dispositivos tem sua maneira luminosa de informar que está tudo funcionando. Uns piscam, outros acendem por um período, esmaecem, e voltam à vida como se algo tivesse acontecido.

À frente da cama, outro conjunto de luzes e relógios LED se exibem. É o conjunto formado por TV, DVD, Blu-Ray e relógio despertador – uma festa para qualquer um com complexo de vagalume.

Há quatro anos, escrevi uma coluna aqui nesse mesmo espaço sobre a incrível chateação proporcionada por essa iluminação dos gadgets e como era chegada hora de acabar com isso de uma vez por todas.

É claro que não esperava receber telefonemas das empresas fabricantes de dispositivos com promessas de atender minha sugestão, mas não precisavam piorar ainda mais o que já estava ruim. Precisavam?

Para minha grata surpresa, depois de publicado o artigo, começaram a surgir pesquisas dando conta de que as luzes emitidas por dispositivos são maléficas para o sono.

Mais gordos, mais tristes
Uma pesquisa conduzida com ratos pela universidade de Ohio revelou que mesmo a menor fonte de luz no quarto durante os momentos de sono pode levar à depressão. Um outro estudo revelou que dormir em ambientes iluminados aumenta a sensação de fome durante o dia, ou seja, engorda.

Para o público feminino, as notícias são ainda piores. O Instituto Nacional de Câncer e de Problemas de Saúde dos EUA, informam que as chances de desenvolver um câncer nas mamas aumenta quando o corpo não é exposto à escuridão durante o sono. Ocorre que o hormônio melatonina, responsável por combater células cancerígenas, só é produzido em condições de escuridão total.

Para crianças e recém-nascidos a escuridão é necessária durante o sono porque o ambiente iluminado em momentos de repouso propicia a formação de miopias. Entre os bebês que dormem em ambientes escuros, 10% acabaram usando óculos. Já no caso de crianças expostas às fontes de luz, mesmo que mínimas, essa taxa é catapultada para a casa dos 55%.

Luzes tóxicas
Os minúsculos LEDs embutidos em telefones celulares, computadores e outros dispositivos são todos feitos usando uma tecnologia que é apresentada ao mundo como sendo amiguinha do meio ambiente. Mas um estudo recente conduzido pela Universidade da Califórnia informou que as luzes LED contêm substâncias maléficas à saúde, entre elas arsênico, níquel e chumbo.

De acordo com cientistas da instituição, a luminosidade é proporcional aos potenciais danos à saúde. Luzes coloridas são mais danosas que as brancas. No caso de LEDs vermelhos, foram encontradas quantidades de chumbo oito vezes superior à contida em bulbos brancos. Na Califórnia, LEDs vermelhos são proibidos por causa disso.

O perigo, segundo pesquisadores, acontece quando um LED se rompe. “Nesse caso, é melhor você ter sua roupa de proteção própria”, diz um pesquisador.

É o que acontece em acidentes de trânsito. Como resultado da colisão, os leds embutidos no painel explodem, junto com as luzinhas de outros dispositivos afetados pelo choque. O perigo é redobrado em casos de lâmpadas de semáforos munidos a luzes do tipo LED. Estes, quando se quebram, liberam uma quantidade bastante significativa de material altamente tóxico no ar.

Calcule o processo de reciclagem desses dispositivos. Em um barracão sem qualquer higiene na China ou em outro país, crianças desmontam ininterruptamente centenas de gadgets ultrapassados ou quebrados para retirar-lhes os gramas de material precioso contido no interior de seus circuitos.

O que fazer?
Uma luz insignificante em um gadget apenas não irá fazer a diferença fundamental. O problema é quando uma boa dezena dessas luzes invade o quarto, o escritório, o banheiro e outros ambientes. Além de desnecessários, esses faróis indesejados podem causar um incrível dano à saúde.

O antídoto é absolutamente óbvio: livre-se dos gadgets desnecessários no quarto quando for dormir. Uma tira de fita isolante sobre os displays menos relevantes é outra alternativa. Afinal de contas, nem sempre você fica de olho no cronômetro de DVD players. Alguma coisa nos diz quando o filme está pausado ou não, estarei certo?

ISEB FCBA Dumps PDF Online Sale

To, hope.I finished this section to rest for a moment to ISEB FCBA Dumps PDF stabilize myself.Then I figure out the military map for that province, BCS Foundation Certificate in Business Analysis still many years old.I want to find that swamp, calculate how far I ISEB FCBA Dumps PDF climbed. Miao company commander is not named Miao, I call him Miao company commander because FCBA Dumps PDF ISEB Certification FCBA he is Miao. ISEB FCBA Dumps PDF One did not spend.Is to buy ISEB FCBA Dumps PDF a gift for a small picture.At that time soldiers, more fucking poor ah Xiao Ying and cried and still holding me Black monkey Xiao Zhuang, why do you I said What happened Not a skirt Do not give me a gift, okay She said. All are on duty in the ISEB FCBA Dumps PDF post.I will check out and climb the tower to take high power binoculars to observe the surroundings.

Not only shouted, but also made the orchid like appearance.The presence of her husband in front of Xiao Qinzi ISEB FCBA Dumps PDF is intended to show off a small attraction on the demarcated ISEB Certification FCBA defense landscape of their beloved couple, thus dispelling the whimsical whims of any invaders. Abducted, it is not terrible terrible.As long as ISEB FCBA Dumps PDF a walk to the street, saw quite a lot of police, shouting for help will be saved. To this monster of capitalism is fierce auspicious, in the early ISEB FCBA Dumps PDF winter of 1995 AD, BCS Foundation Certificate in Business Analysis Li Jiaocheng and all his relatives, friends, no one can ISEB FCBA Dumps PDF help FCBA Dumps PDF him out of a surefire idea. Jia Cheng order with money, the new work injury untied tricycles iron chain, the cowboy child already stamped the car departure pick up. Say that today s procurement of pumping low grade smoke, hard work yourself, the implementation of different policies, both inside and outside of China, or FCBA Dumps PDF is the buyer will be the first installment of garlic slippery head.

Sit down and ISEB FCBA Dumps PDF say slowly, you still have research.Zhen Yilong circled with him, distracting the attention ISEB FCBA Dumps PDF of the blind. She pretended not to touch North, just say, then you have no ability to recover.He flashed the words of the yin and yang strange Road, I have been devoted ISEB Certification FCBA Dumps PDF all my life into, and have no ability to self relief, the solution must be Ling people, ISEB Certification FCBA this person is your Xiao sister. When I thought about that dirty relationship, she even inspired the goodness of Jiacheng. Give me the bullock child, I have something to say to him, to be fast Go home and go. After taking a seat in Zhenlong s office, the owner said, Blind, you have to drink water and you fall by yourself. You six thousand dollars to earn ten thousand, one six six, FCBA Dumps PDF BCS Foundation Certificate in Business Analysis six thousand six hundred thirty six, that is, a thousand to earn one thousand six hundred, I lent you a thousand, you earned, How much does it cost me a little Baby girl mouth Jiao ISEB FCBA Dumps PDF Jiao Road, sister, ah, our sisters talk about this on the water, leave, and what are the affection.